Usina de Açucar e Etanol - Coprodia

Seja bem-vindo ao portal Coprodia


FAQ (PERGUNTAS FREQUENTES)

Qual a posição do Brasil no setor Agroenergético?
Atualmente o Brasil é o líder deste segmento, sendo o maior produtor de cana-de-açúcar do mundo, referências às safras de 2011/2012. O país também é o 1º produtor mundial de açúcar refinado e demais tipos, oriundos da cana (referente a 50% das exportações mundiais) e o 2º produtor mundial de Etanol, índice equivale a 20% das exportações mundiais.

 

Qual a situação do setor Sucroenergético?
No Brasil, 47% de toda a energia utilizada no país é oriunda de fontes renováveis. Isto se deve ao fato, de a cana-de-açúcar brasileira, ser encontrada em abundância em quase todo o território nacional, além de servir como matéria-prima para produção do etanol e da bioeletricidade, o que equivale a 18% da energia consumida no país.

 

O que é Biodiesel?
Este combustível é produzido a partir das gorduras vegetais (soja, girassol, mamona, entre outros vegetais) ou animais (gordura), um composto que mistura óleo, álcool anidro ou metanol, e a partir de sua reação química surge o biodiesel. Dentre suas vantagens está a diminuição da dependência do petróleo e o aumento do número de empregos no campo. O biodiesel é menos poluente, auxiliando na redução das emissões de gás carbônico e de enxofre.

 

O que é Etanol?
Também denominado como álcool etílico, o etanol é o mais comum dos alcoóis, caracterizado pelo composto orgânico (CH3CH2OH). Trata-se de um líquido incolor, inflamável, volátil, é solúvel na água e possui cheiro e sabor característicos. Sua formulação é obtida a partir da fermentação de açúcares, tal como a sacarose extraída da cana, por meio de processos sintéticos com base na hidratação do etileno.

 

Qual a diferença entre o Etanol Anidro e o Etanol Hidratado?
A principal diferença dentre estes alcoóis, esta no teor de água encontrado em cada tipo. O Anidro possui teor em torno de 0,5%, já no Hidratado este teor pode chegar a 5% em volume. O primeiro é o comumente adicionado à gasolina, e passa por um processo adicional que elimina a maior parte da água presente em sua formulação, enquanto o segundo tipo é o etanol mais puro, extraído direto das colunas de destilação das usinas e vendido nos postos de combustíveis.

 

Como funciona o sistema de Cooperativismo?
Um sistema de negócios que tem por prioridade a participação de todos os envolvidos em seus processos, e a junção de um grupo ou associação de pessoas com interesses em comum. O trabalho é dividido de forma igualitária, assim como seus ganhos e rendimentos. Uma metodologia de trabalho, da qual todos os cooperados ganham em crescimento pessoal, participação no mercado de trabalho e desenvolvimento profissional.

 

O que são Cooperativas agropecuárias?
Uma cooperativa é instituída, a partir da reunião de no mínimo vinte pessoas, que possuam interesses em comum com os objetivos da instituição, deve-se eleger por meio de Assembleia a diretoria e a presidência, além da criação de um Estatuto para a cooperativa. No ato da eleição define-se uma cota participativa para cada cooperado, assim como seus devidos rendimentos e obrigações. As cooperativas agropecuárias são as que mais crescem em todo o país, principalmente no Estado do Mato Grosso, constituídas em sua maioria por produtores e agropastoris do segmento rural.

 

Qual a diferença entre Açúcar, Glicose e Sacarose?
O açúcar é um carboidrato natural facilmente encontrado em todas as frutas e vegetais, como no caso da cana e da beterraba, nas quais é encontrado em grandes quantidades e de onde é extraído e comercializado. A glicose é um carboidrato mais simples do açúcar, formada por uma única molécula, nosso organismo obtém a glicose (também chamado de “açúcar do sangue”) ao digerir hidratos de carbono simples e complexos. Já a sacarose consiste em uma molécula de glicose e uma de frutose, encontrada em todas as plantas, e ao ser extraído produz o açúcar que ingerimos diariamente.

 

Quais os principais tipos de açúcar?
Os tipos de açúcar mais comuns em termos de comercialização e consumo são:

 

Refinado: é o tipo mais consumido, possui aparência clara e uniforme, espessura fina de fácil uso em todas as sobremesas e bebidas.

 

Confeiteiro: conhecido como glaçúcar, de espessura ultrafina ideal para decorar doces finos e tortas.

 

Cristal: granulado e mais transparente, de difícil dissolução, possui técnica de refinamento mais leve.

 

Orgânico: cristais mais grossos e escuros. Não recebe a introdução de agrotóxicos ou qualquer aditivo químico em sua formulação.

 

Mascavo: é mais úmido, com tonalidade de caramelo e sabor semelhante ao da rapadura. Alta qualidade nutricional, pois não passa pelo processo de refinamento comum e, portanto conserva os nutrientes como o ferro e o cálcio.

 

Light: combina açúcar refinado aos adoçantes artificiais. Tem menos calorias, entretanto adoça até quatro vezes mais do que o açúcar comum.

 

TRABALHE CONOSCO


Venha fazer parte da nossa equipe